<$BlogRSDUrl$>

sexta-feira, novembro 07, 2003

Por falar em publicidade irritante 

Quem me dera que passassem certos spots menos vezes e menos vezes e menos vezes e menos vezes e menos vezes e menos vezes e menos vezes e menos vezes . . .

quarta-feira, outubro 22, 2003

Publicidade enganosa 

Parece ser a triste sina deste blogue que os comentários mais recentes sejam todos relacionados ou aludam a publicidade. Este não será excepção.

Para quem infelizmente está atento a estas coisas, já devem ter reparado na nova fornada de anúncios da Netcabo que, para não fugir à tradição, são irritantes como o caraças. Desta vez escolheram a dedo pelo menos três indivíduos para os porem à frente das câmaras a berrar e gemer de ansiedade, um pouco como se fossem ovelhas e um cego lhes estivesse a tosquiar os genitais. Nada disso, porém. Pretendem estes ruídos alarmantes significar que há um veículo motorizado — um Ferrari, dizem — para ser ganho pelos clientes do gigante multitentacular da net portuguesa.

Receio no entanto que a Netcabo nos esteja a enganar. É que, pelo barulho, não é um Ferrari. É uma Famel.

quarta-feira, outubro 15, 2003

Anúncios de graça 

O governo mandou retirar toda a publicidade ao Euro 2004 da revista Time após a infame reportagem sobre as meninas de Bragança. Fizeram bem. É que depois de tão boa propaganda, não é preciso mais nada, e este país carente de trocos sempre agradece a poupança.

sábado, setembro 27, 2003

Quem não tem, está safo 

Acabo de perceber o que tanto me assusta no mais recente spot televisivo da Netcabo, aquele onde uma professora (que mais parece saída do mesmo deprimente casting para imitadoras da Anne Robinson que municiou a versão portuguesa d'O Elo Mais Fraco) interroga os alunos sobre os vários cabos da nossa bela e, graças à fé de Paulo Portas em Fátima, impoluta costa nacional. Não, não é o anúncio ser uma grande porcaria, como aliás são todos os que o gigante do cabo tem o condão de defecar para os seus canais. Não. É o facto de todos os miúdos, sem excepção e apesar da vitalidade (eu diria agressividade) demonstrada, aparentarem ter sofrido no mínimo uma lavagem ao cérebro.

Afinal, que outra explicação há para memorizarem tanta informação desnecessária e a declamarem em uníssono? Por que outro motivo levariam para a escola os seus kits Netcabo, como se carregassem nas embalagens coloridas inseparáveis body snatchers?

É assim que, tal como as incoerências da Administração Bush deixam transparecer a sua agenda sinistra, também a péssima publicidade da TV Cabo deixa antever uma realidade deveras aterradora. Por alguma razão se gabam das bastas fileiras de clientes. Por alguma razão incitam ao aliciamento de "amigos", grandes e pequenos, e se prestam a oferecer "grátis" os kits de acesso à Internet, por forma a facilitar a sua dispersão por todo o país.

É por isso que apelo à união daqueles que, entre vós, ainda são livres. Acredito que juntos triunfaremos sobre as hordas de zombies que arrastam atrás de si os malfadados kits. Juntos, sairemos vitoriosos desta guerra contra o monstro multitentacular que paira sobre as nossas cabeças, qual nuvem plúmbea e densa que não pára de fazer chover sobre nós alguns dos mais irritantes anúncios de que há memória. Insurjam-se! Unidos, derrotaremos o inimigo!

(Para mais informação sobre esta e outras conspirações, contactem-me pelo e-mail b_goblin@netcabo.pt.)

sábado, agosto 09, 2003

For what it's worth . . . 

Fizeram-me umas perguntinhas, e eu respondi. Leiam a entrevista aqui.

domingo, julho 27, 2003

Perguntas frequentes 

Bem sei que não tenho dado a atenção devida a este blogue, mas, como bem avisei na entrada inaugural, o grosso das minhas actividades bloguísticas encontra-se aqui.

Entretanto tive o prazer de ser pico-entrevistado pelo Jorge Candeias da Lâmpada Mágica, e de responder à singela questão que tantos reparos e correcções me tem merecido por parte dos estimados leitores:

O Hemogoblina tem sido repetidamente confundido com uma substância alarmantemente vermelhusca que dá pelo nome de hemoglobina. Para esclarecer de vez a confusão, a Lâmpada Mágica resolveu pico-entrevistá-lo:

LM: A hemoglobina transporta oxigénio; E a hemogoblina transporta o quê?

Hemogoblina: A hemogoblina transporta toxigénio. Que mais?

Esperamos ter contribuído para o cabal esclarecimento dos nossos leitores.

quinta-feira, junho 26, 2003

Peter Sellers está vivo e a residir na Turquia 

E mais, o seu sentido de humor continua perfeitamente oleado. Senão vejam.